.Contador/Musica

clasificados
Classificados
Quinta-feira, 28 de Junho de 2007

Anorexia

Tudo bem?

Comigo está tudo na mesma, agora estou sempre a assoar o nariz isto vais de mal a pior, já estou farta de estar assim. quem é gostas de ficar doente? Eu não, quer sizer só em tempo de aulas o que não é o caso.

Hoje lá vou eu sair, outra vez, isto é preciso ter azar, quando eu não quero sair, é quando sou obrigada a sair. só comigo é que isto acontece. Bem queria agradecer a todos por me desejarem as melhoras. como já deves ter reparado já tenho musica nova no blog, mas está já antiga, mas vai durar mais tempo. Mas agora mudando de assunto.

Depois da minha amiga ter me ensinado tudo e mais alguma coisas de blog decidi abrir um blog de encomendas, por isso podem encomendar quando quizerem, eu já tenho uma encomenda, por fazer, quer dizer já fiz, agora só falta postar.

 

ANOREXIA

A anorexia nervosa é uma disfunção alimentar, caracterizada por uma rígida e insuficiente dieta alimentar (caracterizando em baixo peso corporal) e stresse físico. A anorexia nervosa é uma doença complexa, envolvendo componentes psicológicos, fisiológicos e sociais. Uma pessoa com anorexia nervosa é chamada de anoréxica. Uma pessoa anoréxica pode ser também bulímica. A anorexia nervosa afeta primariamente adolescentes do sexo feminino e jovens mulheres do Hemisfério Ocidental. A taxa de mortalidade da anorexia nervosa é de aproximadamente 10%, uma das maiores entre qualquer transtorno psicológico.

 

Os seguintes indicadores ou sintomas sugerem diagnóstico clínico de anorexia:

  • Peso corporal em 85% ou menos do nível normal.
  • Prática excessiva de atividades físicas.
  • Medo intenso e irracional de ganhar peso ou de ser gordo, mesmo tendo um peso abaixo do normal. Comumente, anoréticos vêem peso onde não existe, ou seja, o anoréxico pensa que tem um peso acima do normal.
  • Negação quando questionado sobre o transtorno.
  • Em pessoas do sexo feminino, ausência de ao menos três ou mais menstruações. A anorexia nervosa pode causar sérios danos ao sistema reprodutor feminino.

Outros sintomas e perigos incluem:

  • Bulimia, que pode desenvolver-se posteriormente em pessoas anoréticas.
  • Danos intestinais, quando o anorético faz uso excessivo de laxativos.
  • Danos ao rim, quando o anorético faz uso excessivo de diuréticos.
  • Anemia, devido ao baixo nível de ferro.
  • Osteoporose, devido ao baixo nível de cálcio, ou à deficiência do intestino em absorvê-lo.
  • Deficiências no sistema endócrino, que levam à parada do ciclo menstrual em mulheres.
  • Constipação
  • Lábios muito secos.
  • Pobre circulação do sangue, resultando em cor roxa em extremidades.
  • Dores de cabeça
  • Acúmulo de fluidos no calcanhar durante o dia e em torno dos olhos durante a noite.

A anorexia possui um índice de mortalidade entre 15 a 20%, o maior entre os transtornos psicológicos, geralmente matando por ataque cardíaco, devido à falta de potássio ou sódio (que ajudam a controlar o ritmo normal do coração).

 

CAUSAS E GRUPOS DE RISCO:

A anorexia nervosa afeta muito mais pessoas jovens (entre 15 a 25 anos), e do sexo feminino (95% dos casos ocorrem em mulheres).

Muitos especialistas acreditam que a influência da mídia é a principal (mas não a única) causa de transtornos alimentares. Isto porque a mídia comumente (mas não sempre) impõe o estereótipo em que a magreza é um fator importantíssimo, senão indispensável, para o sucesso social e econômico de uma pessoa, desde redes de televisão até filmes e revistas. Tal influência é bastante negativa em crianças e adolescentes, cuja personalidade está em formação, e casos de garotas anoréxicas entre 11 e 14 anos existem com relativa freqüência.

A anorexia nervosa foi pouco discutida na cobertura jornalística da morte de algumas pessoas que morreram justamente devido a complicações da doença, como Karen Carpenter e Terri Schiavo e Ana Carolina Reston.

Pessoas que passaram por eventos traumáticos anteriormente, como rejeição familiar ou abuso físico e/ou sexual, também possuem um maior risco de serem anoréxicas.

Pessoas em certas profissões, como atletas, bailarinos, dançarinos, ginastas ou modelos, podem motivar uma pessoa a decidir por diminuir seu peso, possivelmente resultando em um transtorno alimentar. O perfeccionismo também é um fator de risco.

 

TRATAMENTO:

A anorexia nervosa, por ser uma doença com raízes psicológicas, é difícil de ser tratada e curada. Uma vez diagnosticada, o anoréxico passa por terapia individual, terapia em grupo e terapia familiar, em casos leves e moderados. Punições contra recaídas geralmente são pouco efetivas, uma vez que o objetivo do anoréxico é emagrecer a todo custo. A força de vontade do anorético em tratar-se é importante, mas como a negação do problema é frequente, médicos, terapeutas e familiares precisam ser pacientes enquanto motivam e apoiam o anoréxico na sua recuperação. Paciência, diálogo e motivação são essenciais no tratamento contra a anorexia.

Fonte-wikipedia

 

sinto-me: Doente...
música: Jojo- Baby it's you
publicado por Gel às 10:03
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito

.mais sobre mim

.posts recentes

. Anorexia

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.pesquisar

 

.arquivos

. Janeiro 2008

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.Eu

Nome: Gel
Clube: Benfica
Idade: 15 aninhos
Signo: Capricornio
Cidade: Lisboa
Estado: Solteira
E-mail: gel-angelina@sapo.pt

Perfil gerado no VICKYS.com.br


**************************

**************************

**************************

.Participo

*Contest Lost Girl
*Clube de fas da Nini
*Imaginação a Prova
*Only One

.Destaques

«As minhas duvidas»

.Plaquinhas

blogs SAPO

.Quem Visita